quinta-feira, 1 de maio de 2014

Die For You 19

(Tina): Acorda bitch, quero dar uma volta.
(Você): E quem disse que eu quero ir junto? - pego uma almofada e cubro meu rosto. - Você não manda em mim - resmunguei.
(Tina): Bom, você escolhe. Ou a degradação ou por vontade própria, se bem que eu gosto da degradação e acredito que você não iria gostar muito.
(Você): Nenhum nem outro, quero meu sono. Eu estava tendo um sonho bom!  - apertei a almofada em meu rosto, tinha o cheiro do Andy...
(Tina): Bom você que escolheu com. Priminho meu amor, faça um favor pra mim? - silêncio na sala - okay? Faça assim que eu mandar.

Por um estante tive medo daquelas palavras. O que aquela infeliz estava aprontando? E o que ele iria fazer? Com medo do que quer que fosse levantei do sofá com um pulo e caí no chão com tudo. Meu pé ficou preso no forro do sofá. Droga!
Me estatelei no chão e a Tina junto com o primo dela - que eu esqueci o nome agora - se acabaram de rir da minha cara parecendo Diego e Many da A Era do Gelo 3 quando eles tem que ir salvar Sidi dos dinossauros.
Encarei os dois e cruzei os braços. Infelizmente ainda estava no chão e eles continuavam rindo -.- idiotas. Levantei do chão e fui pra cozinha, preciso comer algo. Abri a geladeira e vi uvas. Hehe. Fiz uma cara estranha e voltei pra sala. Eles ja estava jogados no sofá e assistindo MTV.

(Você): Pensei que fossemos sair -.-
(Tina): Xiiiiiu, meu namorado ta passando na tv.
(Você): Normal. Kkkkkkkk
(Tina): Verdade. Mas ele ta falando da  nova música dele.
(Você): Sério que eles têm nova música? *0*
(Tina): Siiiim *0* mas esqueci o nome.
(Você): :O como assim vc é namorada dele e não sabe o nome da música?
(Tina): Simples... ele não me disse. Ele falou que é surpresa. --'
(Você): Andy tbm ta nessa viadage hoje...
(Tina): Vocês se resolveram?
(Você): Sim *--------*
(Tina): Sério???
(Você): Claroooo!

A gente começa  pular e a gritar como duas idiotas na sala. Olhamos ao redor e... ouxe? Cadê o primo da Tina? Deixamos esse fato de lado e logo tratei de contar tudo a Tina que estava impaciente batendo o pé no tapete da sala. A expressão dela vacilava de uma alegria incontrolável a uma raiva instantânea por eu contar que fugi dele dias vezes. Ta mas... eu tinha meus motivos.

Meu telefone começa a tocar e eu me prendo a música cantando junto com a Tina.

(Você): Stop me before i go to waste!
(Tina): For every heart that's born. Can easily be torn away. I can't comply
(Você): To this state of consciousness. That we call life.
(Vocês2): And though i stand here to perish. I will stand here till i die!
(Tina): Ei idiota, atende o telefone! Kkkkkk
(Você): É mesmo! Eta porra! - pego o telefone e atendo - Alô?
(XxXx): Oi gata.
(Você): Quem é?
(XxXx): O gostoso e tesudo do Ashley Purdy, a seu dispor delícia. - começo a rir.
(Você): Oi gostoso. Pq não ta na minha cama ainda? Senti sua falta essa noite. - disse rindo.
(Ash): Ah, sabe como é ne? Eu te como e... - escuto um barulho seguido de risadas - Eta porra, a bixa de preto ta me batendo aqui. Ai ai. Para Andy sexo agora não, to conversando com minha nega. - Ash diz com uma voz melosa e eu me acabo de rir.
(Andy): Fica ai de gracinha com a minha mulher idiota, arranco suas bolas, se vc tiver uma né viadinho?
(Ash): Claro que tenho, vc tava chupando.elas na noite passada. - escuto.risadas do outro lado da linha e o.Ash gritando - Assim não Andy, com carinho.
(Você): kkkkkkkkkk parem com isso suas bixas e me digam o que vocês querem me ligando uma hora dessas.
(Andy): Amor? - Andy diz do outro lado da linha.
(Você): Oi.
(Andy): Não acredite em nada que esse viado diz viu?
(Você): Viu.
(Andy): Beijo, te amo. - meu coração se acelera. Ele me ama? *0*
(Você): Também te amo, Andy. - disse quase engasgando.
(CC): Aaaah chega de viadage vocês dois.
(Você): Qual é Cc? Tbm te amo cara.
(Cc): Eu sabia que você me amava, vamos para cama fazer amor. - rimos.
(Você): ta no viva voz é?
(Todos): sim!
(Você): que merda. Kkkkkk
(Jake): Eu sei que vc nos ama (seu nome). Mais tarde faremos uma suruba gostosa com você. Iremos lhe usar.
(Ash): Naaaada ela é so minha!
(Andy): Sua inimiga.
(Todos-Andy): kkkkkkkkkkkkkkkk
(Andy): Amor, se arrume, que 6pm eu passo ai viu?
(Você): Pra que?
(Andy): Surpresa.
(Todos -vc&andy): Huuuuum safado.
(Andy): kkkkk morram seus viados.
(Você): kkkkkk sério amor, conte.
(Andy): Surpresa. Agora, tchau.
(Você): Mas...
(Andy): Beeijooo... - desliga
(Você): Idiota.

No resto do dia ficamos eu e a Tina conversando, comendo e fomos no shopping comprar uma roupa. Escolhemos um vestido preto colado no corpo de uma alça, um pouco brilhante e um salto preto com um laço no calcanhar. Faltando uma hora e trinta minutos pras seis, comecei a me arrumar. Fiz o cabelo a unha e uma coisa na pele que a Tina disse que deixaria mais macia, terminado tudo, vesti o vestido e coloquei o salto. Coloquei meu cabelo em um lado só solto, mas antes fiz a maquiagem, claro. Estava linda!

Ja estava uma pilha de  nervos quando faltava 10 minutos pro Andy chegar imaginando milhares de coisas, mas assim que ouvi a campainha tocar e meu coração se acelerou e senti borboletas em meu estômago. Andei até a porta e abri, e la estava meu príncipe negro, vestido de preto obviamente e lindo de matar. Usava uma calça jeans preta, sapato social, blusa branca social e jaqueta de couro, e uma gravata. Estava totalmente sexy e apetitoso. Meu Deus! Ele quer me matar!

Andy olhou pra mim e logo um sorriso iluminou todo o seu rosto e eu juro que vi seus olhos brilhando. Sorri de volta, como uma idiota apaixonada e ele me puxou de surpresa dando-me um beijo apaixonado. Paramos assim que ficamos sem ar.

(Andy): Amor, você está linda! Perfeita!
(Você): Tinha que estar a altura da minha companhia não? - disse quase sem fôlego.
( Andy): - sorri sem graça e segura minha mão - Vem amor, vamos.
(Você): É pra ja!

Tranco a porta e de mãos dadas andamos até seu carro e noa dirigimos ao tal lugar que o Andy tanto quis esconder.